» » » 7 Cobras Domésticas Dóceis para Ter em Casa

7 Cobras Domésticas Dóceis para Ter em Casa

Está a procura de um animal de estimação? As cobras domésticas podem ser uma ótima opção. Elas vivem em terrários e observar seu comportamento pode ser uma excelente atividade. Além disso, as cobras domésticas necessitam de poucos cuidados e não sofrem com a falta de um tutor.

Confira sete espécies de cobras domésticas mas fique atento: antes de adquirir a sua, é preciso verificar se a mesma possui certificação para ser criada em cativeiro!


Cobra do Milho (Pantherophis guttatus)

Cobra do Milho

Coberta por uma pele laranja e manchas vermelhas, chama muita atenção com suas cores vibrantes. Por ser uma cobra muito calma, pequena e de fácil manuseio, é uma das principais cobras para se ter em casa. Além disso, a cobra do milho se adapta muito bem ao cativeiro e exige muitos poucos cuidados especiais e restrições alimentares.

Cobra Falsa Coral ou Cobra do Leite (Lampropeltis triangulum)

Falsa coral ou cobra do leite

Essa é uma cobra muito pequena, chegando a medir, no máximo, 120 cm, o que faz com que ela se adapte muito fácil a qualquer ambiente. Tem como características o hábito de se esconder durante o dia e alta atividade a noite. Por ter a pele muito lisa, acaba tendo um difícil manuseio, mas é uma espécie muito dócil.

Cobra Real Californiana (Lampropeltis californiae)

Cobra Real Californiana

Chegando a, no máximo, 110 cm quando em cativeiro, a cobra real californiana na fase adulta consegue ser mais dócil que a cobra do milho, sendo um pouco temperamental enquanto filhote. A cobra real californiana é conhecida pelas bandas alternadas de preto com branco e amarelo com marrom, podendo. também. ter variações de cores que lembram a cobra coral. Esse animal se adapta muito bem, mas não pode conviver com cobras de outras espécies e possui uma alimentação sem grande exigências.

Cobra Gopher (Pituophis catenifer)

Cobra Gopher

Essa cobra exige um pouco mais de cuidado. Apesar de muito dócil, a cobra gopher possui presas longas que podem machucar, necessitando de um manuseio delicado. Podendo chegar a 200 cm, essas cobras precisam do uso de uma iluminação especial no seu terrário, para garantir sua sobrevivência.


Cobra Casa Africana (Lamprophis)

Cobra Casa Africana

As cobras casa africana pertencem ao gênero Lamprophis e possuem uma grande variedade de cores. Elas são bastantes assustadas quando filhotes e permanecem tímidas na fase adulta, sendo necessário que sua alimentação seja feita no escuro. Tem um tamanho entre 40 e 100 cm. Assim como a cobra gopher, ela possui presas grandes e merece um pouco mais de atenção já que sua mordida pode provocar dor.

Píton Real (Python regius)

Píton Real

A píton real pode chegar até 2 metros de comprimento e viver por 30 anos, necessitando de um maior cuidado e comprometimento. Para cuidar da píton real você vai precisar de um grande terrário e de grandes roedores para alimentá-la. É uma cobra com comportamento tímido e reservado, podendo ser manuseada apenas uma vez na semana para evitar estresse.


Jiboia (boa constrictor)

Jiboia

Trata-se de uma das cobras mais conhecidas do Brasil e pode chegar a 4 metros, com peso de até 40 kg. Apesar de ser uma cobra com a musculatura muito forte, quando criada desde de filhote costuma ser mansa. É uma cobra de hábitos noturnos e vai precisar de um grande espaço no cativeiro, além de um termostato para simular a temperatura de seu ambiente natural. Sua alimentação é basicamente composta por grandes roedores.

Atualizado em: 24/03/2019 na categoria: Criar Cobras, Não Peçonhentas