» » Cobra corredora: Curiosidades e Informações

Cobra corredora: Curiosidades e Informações

Logo abaixo te falaremos melhor sobre a Cobra corredora, uma espécie singular que nos apresenta a diversificadas características físicas e comportamentais. Confira e se encante por esses detalhes únicos:

Características gerais:


A Cobra corredora possui um considerável comprimento, podendo ser possível as encontrar com cerca de 1 metro e meio de comprimento, o que faz com que tenha um corpo esguio que também é marcado por ser delgado, com um dorso especialmente brilhante que chama atenção em sua estrutura física.

Além disso, seus tons são variáveis entre azul esverdeado, azul e preto, havendo mudança de cor no seu frente que costuma ser mais claro e acinzentado, assim como a região da sua garganta que é marcada por um tom mais claro, variando entre amarelo e branco em grande parte das vezes.

São venenosas?

Caso se depare com uma cobra dessa espécie, não precisa de tantos receios, pois não se trata de um exemplar venenoso, usando de outras características para conseguir imobilizar e vitimizar suas presas, utilizando para tanto do processo de constrição.

Esse processo faz com que o fluxo sanguíneo de suas vítimas seja rapidamente interrompido, fazendo com que automaticamente o fluxo respiratório também pare e assim, o animal morra e seja devidamente predado sem grandes chances de resistência.

Habitat

Sobre seu habitat, podemos mencionar o fato da Cobra corredora ser facilmente adaptável, fazendo com que esteja presente em diversos lugares diferentes, principalmente quando pensamos em áreas abertas a exemplo de florestas e regiões campestres.

Esses lugares são propícios para o seu comportamento ágil, inclusive o que faz com que tenha o nome de Cobra corredora. Isso porque o habitat contribui para que possam fugir rapidamente diante de possíveis ameaças. Mas, citando um local em específico, se traga de uma espécie comum dos Estados Unidos.

Curiosidades

Quando diante de possíveis predadores, essa cobra assume um curioso comportamento, vibrando a sua cauda que também passa a bater em movimentos rápidos, um mecanismo de defesa que afasta o perigo e faz com que ela tenha tempo para fugir.

Dentre as suas diversas características podemos citar, por exemplo, que o ponto citado está entre os principais no sentido de contribuição para que atualmente seu risco de extinção seja pouco preocupante, refletindo a vida estável que possuem em meio a natureza.

Atualizado em: 21/06/2022 na categoria: Espécies