» » Piolho de Cobra – É Venenoso? Onde Vive?

Piolho de Cobra – É Venenoso? Onde Vive?

Apesar do nome, o piolho de cobra não tem nenhum grau de parentesco com as cobras! Também conhecido por gongolo ou embuá, o piolho de cobra é um animal rastejante com corpo segmentado, várias pernas, uma cabeça e duas antenas, do mesmo grupo myriapoda da lacraia ou centopeia e por isso esses animais são bastante confundidos.

Os piolhos de cobra caminham muito devagar porque se alimentam de restos de vegetais e animais mortos. Possuem sistema digestório e circulatório completos e respiram através das traqueias, que são tubos que fazem a troca de gases por todo o corpo.


Se reproduzem de forma sexuada. A fêmea tem sua abertura genital no segundo par de pernas e o macho possui uma perna modificada no sétimo segmento por onde é possível fazer a transferência da cápsula proteica contendo espermatozoides para a fêmea e fecundá-la.

Piolho de cobra é venenoso?

O piolho de cobra não é venenoso. Um dos motivos para isso é porque ele não precisa de veneno para capturar animais, já que se alimenta deles quando já estão mortos.

Os piolhos de cobra têm apenas algumas reações de defesa que são comuns, como se enrolarem e fingirem-se de mortos quando se sentem ameaçados. Em alguns casos soltam uma tinta roxa que pode ficar na pele humana por uns dois ou três dias, mas não é veneno e não vai causar nenhum dano a sua saúde.

Quando eles vão se reproduzir também jogam esse líquido para tentar proteger os seus ovos. Algumas espécies mais diferentes deles liberam um odor muito forte e brilham no escuro para afastar os predadores.


Piolho de cobra dá picada?

Não, o piolho de cobra não pica e não tem a picada venenosa porque ele não tem ferrões e também não possui glândulas venenosas. O animal que tem a picada venenosa é a lacraia (à direita).


A lacraia é um animal peçonhento que armazena seu veneno na parte inferior do corpo, são muito rápidas e se alimentam de insetos, lagartixas, filhotes de pássaros e até roedores. O último par de patas dela serve para capturar a presa. Quando consegue, dobra seu corpo para traz e injeta o veneno até matar o animal.

Quando um ser humano é picado pela lacraia sente uma forte dor e inchaço no local que foi atingido. Em alguns casos de picadas por lacraias maiores, podem causar febre, tremores e uma pequena ferida no local, mas não há registros de mortes por causa da picada da lacraia.

Onde vive o piolho de cobra?

O piolho de cobra vive em árvores, folhas, lugares úmidos, escuros e também onde se encontram restos de materiais orgânicos.

Eles costumam aparecem mais em épocas do ano que são chuvosas e quentes.

Para evitar o aparecimento deles em residências e proximidades é importante ter alguns cuidados como evitar o acúmulo de lixo, manter a grama sempre limpa, deixar as janelas e portas abertas durante o dia, para que a casa não fique úmida, desviar a água da chuva para longe e criar galinhas também é uma medida muito eficiente porque elas comem piolhos de cobras.

Atualizado em: 24/02/2018 na categoria: Diversos